Seguidores

segunda-feira, 5 de novembro de 2007

Os sete centros da máquina humana

Nesta lição veremos algo sobre os sete centros que controlam a máquina humana.
Este tema é simples, porém importantíssimo, e compreendê-lo é fundamental para entender os temas que virão e, principalmente, para colocar em prática as técnicas de auto-conhecimento e mudança interior.

É bom também ter em conta que este tema não tem relação alguma com os sete chacras principais do ser humano, pois os chacras são algo totalmente distinto dos centros que tratamos nesta lição.

Nosso corpo possui determinados centros de controle que são responsáveis por exercer determinadas funções físicas e psicológicas.
São sete os centros que controlam a máquina humana, sendo dois centros superiores e cinco inferiores.

Os dois centros superiores, que são o emocional superior e o mental superior, estão como “desconectados” do ser humano comum e corrente, fato devido à nossa condição psicológica e espiritual tão limitada.
O ser humano tem espantosas possibilidades de desenvolvimento interior, a ponto de conseguir ter uma ordem perfeita dentro de si, com todos os cinco centros perfeitamente equilibrados e harmoniosamente “conectados” aos outros dois centros superiores.
Uma criatura assim tem total domínio sobre si mesma, é senhor de seus processos psicológicos e de suas emoções.

Os cinco centros inferiores todos os seres humanos os possuem, pois são indispensáveis à nossa existência.
Cada centro trabalha com o tipo de energia que lhe corresponde e o uso excessivo, que na verdade podemos chamar de abuso, de qualquer um dos centros esgota uma pessoa, podendo mesmo levá-la a um colapso de suas funções, o que modernamente é chamado de stress.

Estes centros são os seguintes:

  • Centro intelectual: localizado no cérebro este centro trabalha com a energia mental, e é responsável pelos processos do raciocínio e do pensar. Quando uma pessoa, por exemplo, está estudando ou raciocinando para resolver um problema, está utilizando energia do centro intelectual.
  • Centro motor: localizado na parte superior da coluna vertebral (base do crânio), este centro controla os movimentos que fazemos. Por isso uma lesão na coluna pode comprometer seriamente o controle dos movimentos do corpo.
  • Centro emocional: é um único centro de controle que, porém é formado por dois pontos que se localizam um no coração e outro no plexo solar (região do umbigo), e este centro trabalha com a energia emocional.
    Talvez você já tenha percebido que diante de certos acontecimentos em nossa vida, às vezes sentimos uma sensação esquisita no coração ou um certo “frio na barriga”.
    Repare que essas sensações são perceptíveis justamente nos pontos que formam o centro emocional.
  • Centro instintivo: este centro está localizado na base da coluna vertebral, e controla os instintos naturais do ser humano como o instinto de sobrevivência, instinto materno, instinto sexual, etc.
  • Centro sexual: localizado nos órgãos sexuais trabalha com as energias sexuais, que é a energia mais poderosa de todas.

Infelizmente devido aos nossos já conhecidos defeitos psicológicos, também chamados de ego, estes centros não trabalham corretamente, o que causa o mau funcionamento físico e psicológico da máquina humana.
Isso como conseqüência traz enfermidades de todo tipo.
O ego atua nestes centros a cada instante, abusando da energia destes centros, desgastando e controlando a máquina humana.

O mais incrível de tudo é que ninguém sequer suspeita do que está ocorrendo em si mesmo, em seu próprio mundo interior, físico e psicológico. Apenas sofre as conseqüências sem saber as causas.
Como podemos comprovar a atuação dos defeitos psicológicos em nós?
Existe em nós um sentido que está atrofiado pelo desuso. Trata se da Auto-observação.
Com esse sentido podemos perceber a atuação dos defeitos psicológicos em cada centro e, percebendo isto, podemos eliminá-los através do que chamamos morte psicológica, também conhecida como morte mística ou ainda morrer psicológico.

Os temas da Auto-observação e da Morte psicológica serão analisados nas Terapias de Busca, onde vamos rever o problema atual (efeito), e voltarmos ao passado descobrindo a (causa antiga). Transmutar tudo isso depende da nossa atenção atual, por tudo isso fique mais atento ao que lhe rodeia. Para saber mais sobre a Terapia da Busca, clique aqui.

Luz e Paz,

Marilda Jorge

3 comentários:

Andrey Aspetta disse...

Parabéns pelo tópico!
É preciso conscientizar as pessoas sobre os processos de desequilíbrios emocionais, principalmente, porque o que normalmente chamamos de "doença" é apenas a fase final de um longo processo.
Aliás, parabéns pelo blog todo!!!
Informações de modo objetivo, sem blá-blá-blá desnecessário!!

Marilda Jorge disse...

Olá meu amigo...
Adorei a sua participação, volte sempre e fique um pouco mais no Brasil em vez de ir a Italia todos os anos.
Luz e Paz

Andrey disse...

Não se preocupe. Na Itália, na França, Inglaterra ou no Brasil, aonde eu estiver, estarei lendo seu blog com carinho. Há muito que aprender com vocês!
Um grande beijo!

Site Meter