Seguidores

quinta-feira, 20 de março de 2008

As Crianças Índigo

A partir da década de 80, elas começaram a chegar, mais e mais. São crianças espetaculares. Elas estão chegando para ajudar na transformação social, educacional, familiar e espiritual de todo o planeta, independente das fronteiras e de classes sociais.

São como catalisadores para desencadear as reações necessárias para as transformações. Elas possuem uma estrutura cerebral diferente no tocante ao uso de potencialidades dos hemisférios esquerdo (menos) e direito (mais). Isso quer dizer que elas vão além do plano intelectual, sendo que no plano comportamental está o foco do seu brilho.

Elas exigem do ambiente em volta delas certas características que não são comuns ou autênticas nas sociedades atuais. Elas nos ajudarão a destituir dois paradigmas da humanidade:

1. Elas nos ajudarão a diminuir o distanciamento entre o PENSAR e o AGIR. Hoje na nossa sociedade todos sabem o que é certo ou errado. No entanto, nós freqüentemente agimos diferentemente do que pensamos. Dessa maneira, estas crianças vão nos induzir a diminuir este distanciamento gerando assim uma sociedade mais autêntica, transparente, verdadeira, com maior confiança nos inter-relacionamentos.

2. Elas também nos ajudarão a mudar o foco do EU para o PRÓXIMO, inicialmente a partir do restabelecimento da autenticidade e confiança da humanidade, que são pré-requisitos para que possamos respeitar e considerar mais o PRÓXIMO do que a nós mesmos.

Como conseqüência, teremos a diminuição do Egoísmo, da Inveja, das Exclusões, resultando em maior solidariedade e partilha. Você pode estar se perguntando:

Como estas crianças vão fazer tal transformação? Através do questionamento e transformação de todas as entidades rígidas que as circundam. Começando pela Família, que hoje se baseia na imposição de regras, sem tempo de dedicação, sem autenticidade, sem explicações, sem informação, sem escolha e sem negociação.

Estas crianças simplesmente não respondem a estas estruturas rígidas porque para elas é imprescindível haver opções, relações verdadeiras e muita negociação. Elas não aceitam serem enganadas porque elas têm uma "intuição" para perceber as verdadeiras intenções e não têm medo.

Portanto, intimidá-las não traz resultado, porque elas sempre encontrarão uma maneira de obter a verdade. Elas percebem as verdadeiras intenções e as fraquezas dos adultos. Estas crianças estão chegando em lares espiritualmente preparados, onde o amor e a compaixão reinam.

Esperamos que nesta Páscoa todos se libertem para receber uma luz diferente e as futuras mamães, se preparem com muito amor e luz, para receber um bebe índigo. No lar preparado nada é impossível!

Luz e Paz,

Marilda Jorge

8 comentários:

José Alberto Campos disse...

Interessante esse post. Já havia ouvido falar das crianças índigo, mas esse texto foi o mais completo e explicativo de todos. Parabéns.

Marilda Jorge disse...

Amigo obrigada pela participação.
Luz e Paz.

dila disse...

ola!
Fui mãe à 2 meses, e alguém me disse que o meu bebé era diferente, tinha algo especial.disseram-me para procurar em bebé índigo!No entanto ainda não entendi muito bem o que são os bebés índigos nem como posso saber se o meu bebé, é realmente um bebé índigo! Se me puder ajudar, agradeço.
Obrigada

Marilda Jorge disse...

Olá Dila!
Existem vários textos no blog após este, que falam em crianças índigo e cristal, se não conseguir entender me passe um e-mail: marildajorge@gmail.com e conversaremos melhor.
Luz e Paz!

Dany disse...

Fui identificada como um bebe indigo , estou agora buscando esclarecimento para que eu possa contribuir com essa força para o planeta.

Marilda Jorge disse...

Querida este tipo de resposta, retorno pelo meu e-mail. Por favor, me envie um e-mail e conversaremos melhor.
marildajorge@gmail.com
Luz e Paz!

cris disse...

Olá, peço sua ajuda para visitar meu blog:
cris-brincardeserfeliz.blogspot.com
e lancei uma pergunta:
Você gostaria de contar alguma frase de seu(sua) filho(a) ?
Obrigada

Marilda Jorge disse...

Já visitei o seu blog e parabéns!
Quanto a pergunta, todos os artigos que coloco no blog, são estudados na medida que meus clientes precisam de respostas. As mensagens e e-mails me chegam de todos os lados, do Brasil e do exterior. Enfim, não tenho filhos pequenos querida, todos já estão casados e já sou avó... rsos..., mas aprecio muito o seu trabalho onde ajuda outras mães!
Beijos, Luz e Paz!

Site Meter