Seguidores

quarta-feira, 30 de junho de 2010

Feliz Aniversário, Blog do Caminho!!!


FELIZ ANIVERSÁRIO, BLOG DO CAMINHO!!!


Olá, amigas e amigos do Blog do Caminho.

Nosso blog completa hoje 3 anos de vida, e estamos super agradecidos à todos pelas colaborações recebidas, pelo carinho e pelo apoio.

Vocês já devem ter notado que essa semana estamos homenageando os animais, e o nosso bolo desse ano é em homenagem à todos os animais.

E, como dizia o Rei Leão no desenho animado: "Hakuna Matata"!

Luz e Paz,

Marilda Jorge


terça-feira, 29 de junho de 2010

Os Pet Shops de Hoje... Cuidado!

Ter confiança de verdade e saber se “os olhos do fazendeiro estão engordando o gado”, está ficando cada vez mais difícil!!!

Os pet shops estão se proliferando em cada esquina, (mas a qualidade deles... hummm) cada vez mais comercio e menos cuidados com os animais e seus donos.

Falta mão de obra especializada, gente que goste realmente dos animais e principalmente limpeza. Só estão ali para ganhar um salário. Alguns veterinários têm até medo de tocar nos animais... ser médico em qualquer especialidade exige amor e competência! E precisam escolher bem seus funcionários. Saúde, seja nossa ou de um animal, não é negócio apenas e sim, precisa de devoção, paciência e presença.

Falo isso, pois sou uma cachorreira de plantão, tive vários cachorros em minha vida e sei que todos os animais precisam tanto como nós, de atenção qualificada. Tive casais lindos que me deram ninhadas maravilhosas, ajudei no nascimento, acompanhei o crescimento, vendi e dei de presente, para pessoas que realmente amam os animais. Fiquei com o telefone de todos os que ficaram e adquiriram. Ficaram meus amigos e assim mantenho contato, os vejo felizes, crescendo com amor e cuidados. Isso se chama responsabilidade!

Todos que me conhecem sabem disto!

Sei de gente que joga filhotes na rua e são chutados com menos de quarenta dias, falo isso de cátedra, pois crio um e está lindo! Peguei-o sendo chutado por transeuntes e foi um bêbado que o salvou. Veja bem, um bêbado! Foi mais humano dos que se falam seres normais e sãos. Foi neste momento, em que meu marido e eu passávamos e vimos tudo... Quisemos comprá-lo, tentei pagar, mas o homem me deu de presente. Isso aconteceu já faz dois anos e foi justo no dia do meu aniversario, 31 de julho. Existem anjos e às vezes eles têm quatro patas... seja o bichinho que for. Pois o meu querido Rei Leão estava morrendo e eu estava muito triste... ele veio para amenizar a dor!

Então vai um aviso, se você ama os animais como eu e deseja o melhor para eles e para você, saiba escolher bem o seu veterinário, seu pet shop e faça tudo correto. Verifique as pessoas do seu Pet Shop desde o momento que você entra nele, principalmente o atendimento a você e o seu animal. Veja como te recebem e se são simpáticos, zelosos e se preocupam em atender bem e sabem lidar com o seu animal sem medo. Pois os animais sentem o cheiro do medo...

Após o crescimento de Pets Shops, pois dá dinheiro e está na moda, alguns viraram só negócios e a verdadeira vocação e abnegação sumiu... e ai, vai um aviso aos donos de Pet Shops, que nem sempre são veterinários, funcionários especializados são necessários e precisam entender de animais e de seus donos. Precisa ter paciência, saber lidar e liderar.

Você envia o seu animal para tomar banho e ele volta com pulgas e outras coisitas mais... se vai tomar vacina fique de olho, pois tem lugares sem higiene alguma e estes lugares fedem. Você não deseja enviar um animal são e retornar com um animal doente... não é? Mas já aconteceu com muita gente e mesmo comigo, aí eu resolvi escrever uma semana para todos os nossos bichos. Não deixe de reclamar e fazer valer os seus direitos, de consumidor e de dono do seu animal querido.

Se você escolher um amigo de quatro patas, saiba sobre a raça e se não tiver raça não importa, o importante é ele também te escolher e se sentirem todos bem e felizes. O meu segundo cachorro, um Golden, a proprietária desistiu dele com apenas três meses e deixou no pet shop para ser doado, adoramos o quatro patinhas e está conosco também. Fez um ano outro dia!

Nesta semana dedicada aos animais, estamos mostrando que o mundo animal também depende de nós. Se você tem cachorro, gato, seja o que for, tenha responsabilidade, pois são energias que estão evoluindo através das suas mãos. E cuidem da natureza, pois os animais são sagrados e devem ser respeitados no seu habitat.

Eles só pedem o seu amor!

Luz e Paz,

Marilda Jorge

segunda-feira, 28 de junho de 2010

Sessão Saúde e Prevenção

Projeto de humanização em hospital utiliza terapia com cachorros

Texto enviado por Marcia Maria Rizzo, obrigada pela colaboração.

O objetivo é promover o bem-estar, melhorar a capacidade motora e autoestima, diminuir a ansiedade e medicamentos.

Cerca de 600 crianças internadas na Unidade de Pediatria do Hospital e Maternidade Celso Pierro da PUC-Campinas receberam a visita dos Cães Terapeutas nesse primeiro ano de implantação do projeto. O Projeto Medicão em parceria com a Art & Nic (centro de treinamento e formação de cães terapeutas) completa um ano no dia 24 de junho, quinta-feira.

" O objetivo do encontro do animal com a criança ou adulto internado é de promover o bem-estar, melhorar a capacidade motora e autoestima, diminuir a ansiedade e a quantidade de medicamentos, além de diminuir as tensões da equipe de trabalho" , explica a infectologista da Comissão de Controle de Infecção Hospitalar, Maria Fernanda Scudeler.

A atividade faz parte do Projeto de Humanização do Hospital. A visita acontece às quartas-feiras, quinzenalmente, na Enfermaria Pediátrica.

Segundo a infectologista, para garantir o sucesso do Projeto Medicão, os cães são cadastrados, possuem certificados de vacinas e vermifugação, renovados mensalmente. " Há procedimentos realizados antes da visita, no dia e pós visita dos cães. Tudo isso para garantir a saúde das crianças, acompanhantes e profissionais" , explica Maria Fernanda.

O Projeto conta com 10 cães, sendo Mel, Brenda, Hanna, Ayla, Bob e Oliver da raça golden retriever; Cacau da raça griffon de bruxelas, Juca o pequeno poodle e para completar Natasha da raça cocker spaniel. "O objetivo do encontro do animal com a criança ou adulto internado é de promover o bem-estar, melhorar a capacidade motora e autoestima, diminuir a ansiedade e a quantidade de medicamentos, além de diminuir as tensões da equipe de trabalho" , explica a infectologista da Comissão de Controle de Infecção Hospitalar, Maria Fernanda Scudeler.

Parabéns por mais esta ação!!!

Homenagem aos Animais

Queridas amigas e amigos do Blog do Caminho,

Esta semana começamos uma homenagem aos nossos animais de estimação e animais do mundo.


Todos os posts desta semana terão assuntos envolvendo animais e a nossa relação com eles, na esperança de que isso possa, de alguma forma, conscientizar o ser humano de que os animais nos fazem mais humanos.

Gostaríamos de deixar o nosso repúdio aqui em relação às pessoas que maltratam e machucam qualquer espécie de animal, sob qualquer tipo de pretexto. Mesmo que eles não tenham o mesmo tipo de inteligência que nós temos, eles tem o tipo de amor que nos falta tantas vezes em nossas vidas. E como também tem corpos, sofrem da mesma forma que nós, sem poderem se defender apropriadamente.

Além do mais, eles aprendem e crescem junto conosco, mesmo os animais mais selvagens, se tiverem uma convivência junto com um ser humano amoroso desde pequenos, também serão amorosos e tanto nós quanto eles cresceremos energeticamente.
Se você conhece alguém que maltrata um animal propositalmente, tenha muito cuidado com essa pessoa, pois se ela faz isso com um ser indefeso, imagine o que faria com você... e denuncie!

Luz e Paz,

Marilda Jorge

domingo, 27 de junho de 2010

As mudanças para um mundo melhor

As mudanças para um mundo melhor

Respondendo e-mails...

Nós nos acostumamos com atitudes, sistemas e uma sociedade complicada! Hoje as mudanças estão acontecendo e às vezes levamos um susto ao percebermos o quanto estamos fora da realidade...

Segue abaixo alguns itens bem importantes e que nos ajudarão em todos os sentidos.

A lição de casa, dependerá do nosso livre arbítrio, fazer ou não, o que contará será a boa vontade, persistência, obediência e humildade para entender, mas quanto mais seguirmos tudo o que está escrito mais certo e mais rápido serão resolvidos os problemas.

Se fizermos certo sentiremos uma paz e equilíbrio muito grande. Entregarmos todos os nossos problemas para o Mestre Maior, parece utópico, mas não é... depois com o tempo virão todas as explicações e soluções.

O que todos precisam é uma mudança dentro de cada um e isso, precisa do esforço particular. Abaixo segue alguns itens importantes para seguir.

Primeiro: a energia espiritual, amorosamente estará revolvendo todos os registros de emoções passadas, que possam estar ainda impregnadas de energias negativas (coisas e fatos do passado, cuja a força e culpa, incomodam... sejam o que for) para que você possa entender e perdoar a si mesma por ter sofrido tanto tempo por conta “disso” (seja o que ‘tiver sido’). Envolva tudo o que se referir a estas lembranças em Luz e solte tudo. Deixe ir. Deixe ir. Não se preocupe com os outros, este é um trabalho seu e só seu.

Segundo: de maneira suave, porem firme, fale consigo mesmo sobre a necessidade de expressar seus sentimentos, especialmente os ligados às coisas materiais. Há necessidade de desapegar-se (tirar a importância) de tudo a que você esteja dependente. Quanto mais se desapegar, menos sofrerá. O dinheiro é para te servir, a casa idem e qualquer bem idem. Se ficar apegada e sofrendo pelo que pode perder, perderá muito mais... pois... as energias da Terra estão fazendo sofrer todos que forem apegados, os que tem medo de perder, (sejam coisas materiais, amor, família etc...) ... isso é sério e já estamos vendo muitos sofrerem e se lapidarem perdendo tudo. Vejam ao redor... acompanhem as notícias pelo mundo e vejam os desastres que estão acontecendo... assim como grandes transformações para melhor, onde já entenderam esta mensagem.

Terceiro: o trabalho será uma área profundamente atingida por essas energias, (é o que está acontecendo) para que vocês possam, finalmente, entender o verdadeiro conceito de TRABALHO em suas vidas. Em outras palavras: sem realizar o trabalho interior não há possibilidade de encontrarem harmonia e prosperidade em seu trabalho exterior (profissional). Não há mais como fugir desta questão. Se quiserem sucesso “lá fora”, trabalhem “aqui dentro” (dentro de vocês). Isso é coisa séria, você é o seu núcleo, mudando você, o seu amor próprio e a compaixão por todos... todos mudarão. Mas terá que fazer mudanças em todas as suas atitudes. Largue mão dos outros e primeiro cuide de você!

Quarto: haverá necessidade imperiosa de mudarem seus sistemas de crenças. URGENTE. E, de uma vez por todas, acreditem: tudo que lhes acontece (ou acontecerá) é reflexo direto de suas próprias crenças. Cuidado com seus maus pensamentos, são eles que abrem os portais de todas as coisas erradas que já vem a muito acontecendo. O invisível negativo que você conhece bem só espera a brecha negativa para entrar. (ódio, brigas, jogos de poder de quem é o melhor etc...) Acontece, nas suas vidas particulares, o que acreditam. Se algo não está bem em suas vidas, mude o modo de pensar a respeito. Entendam isso, por favor.

Bem amigos, existe trabalhos espirituais e energéticos, mas até para eles, todos precisam estar prontos e quererem!!! Confiamos na sua vontade de vencer e estamos aqui para ajudar, estamos fazendo isso com muito carinho. Nenhuma energia superior nos ajuda se não estivermos ancorados no amor sincero, fazendo tudo na compaixão com Luz e Paz!

Conto com vocês e beijos.

Sejamos todos nós guerreiros da Luz e da Paz.

Marilda Jorge

sábado, 26 de junho de 2010

Pensamento do Dia

"O Eu é o mestre do eu. Que outro mestre poderia existir?
Tudo existe, é um dos extremos.
Nada existe, é o outro extremo.
Devemos sempre nos manter afastados desses dois extremos,
e seguir o Caminho do Meio."


Buddha

sexta-feira, 25 de junho de 2010

Dicas Interessantes

Frutas secas:

1. Deixe as passas numa peneira sobre o vapor da água fervente por cinco minutos. Elas ficarão mais macias e saborosas.

2. Polvilhe as passas com farinha de trigo antes de colocar na massa do bolo. Assim, elas não ficarão concentradas no fundo da fôrma.

3. Deixe as nozes por uma noite inteira dentro do congelador. Quebre enquanto elas ainda estiverem geladas. Assim, as nozes sairão inteiras das cascas.

4. Coloque os pinhões num recipiente com água e deixe ferver. Escorra, coloque água fria e deixe cozinhar. Não coloque sal, senão os pinhões endurecem. Depois de quarenta minutos, eles estarão cozidos e abertos.

5. Cozinhe as castanhas-do-pará numa panela de pressão. Quando estiverem prontas, escorra a água quente e deixe as castanhas em água gelada por algum tempo. Assim, as cascas se soltarão facilmente.

Frutos do mar:

1. As conchas de ostras abrirão facilmente se forem lavadas em água fria e depois guardadas no congelador, dentro de sacos plásticos, por uma hora.

2. Quando cozinhar lagosta junte uma cebola à água de cozimento. Quando a cebola estiver cozida, a lagosta também estará.

3. Para cozinhar mexilhões ou vôngoles, não coloque água, mas apenas um pouquinho de óleo. Leve a panela tampada ao fogo. Eles cozinharão no próprio caldo.

4. A casca dos camarões sairá facilmente se você despejar por cima água fervente com um pouco de limão ou vinagre.

5. Ao fazer camarão, guarde as cascas num recipiente fechado, dentro do congelador. Elas poderão ser utilizadas no preparo do arroz. Para isso, ferva a parte, a água com as cascas do camarão. Depois, é só cozinhar o arroz nessa água que ele ficará com gostinho de camarão.

6. Empane os camarões em mel e depois passe na farinha de rosca. Frite em bastante óleo. Eles ficarão com um sabor especial.

7. Se você cozinhar o camarão com casca em cerveja, ele ficará com um sabor parecido com o da lagosta.

8. Lave e enxugue os camarões. Coloque um por um numa assadeira, jogue sal por cima e leve ao forno para secar. Frite-os e use no preparo de molhos, croquetes, saladas e outros pratos.

9. Para eliminar o cheiro do camarão, acrescente à água fervente, durante o cozimento, um talo de salsão.

10. Para retirar facilmente as tripas do camarão, use uma agulha de crochê bem fina.

E bom proveito!

Luz e Paz,

Marilda Jorge

quinta-feira, 24 de junho de 2010

A Cabala e as Mulheres

Texto enviado por Regina Bradaschia Ushikusa, obrigada pela colaboração.

Uma Visão da Busca de uma Mulher por Desenvolvimento Espiritual

Este artigo escrevi, inspirado num livro novo que li: "O dia depois da crise...." de Eli Vinocur. é um livro leve que trata da construção de relações saudáveis e bem sucedidas entre as pessoas. Curtam!

Efrat Aharoni

Sem Trabalho Sem Amor

O que fazer com um homem desempregado que fica todo o dia em casa sem fazer nada? Em nada ajudará ficarmos nervosas e culpar o companheiro, isto só fortalecerá a separação e alienação entre nós, este é justamente o momento para unir-se e apoiar-se mutuamente.

O que pode ser pior do que ser um homem desempregado?

Ser sua companheira.

O homem desempregado acorda tarde e passa o dia em frente ao computador ou da televisão e quando ele passa o dia inteiro em casa, fica entediado e com fome, com muita fome. Ele pega tudo que encontra na geladeira, nos armários e finalmente até o que está no congelador. Prepara uma mesinha em frente à televisão e fica comendo até o final do dia. Quando você chega em casa, a sala parece um refeitório de fábrica, a cozinha está de "cabeça pra baixo", cheia de utensílios sujos pois ele " preparou para si mesmo, algo para comer " Quando você pergunta o que ele fez durante o dia, continua com o olhar pregado na televisão e dá de ombros. A situação de ter sido despedido já é muito difícil ...então, o que você ainda quer que ele faça? Ele espera que você o apóie e tenha consideração.

Na falta de outra alternativa, depois de um dia difícil de trabalho, você começa a arrumar a casa enquanto ele permanece sentado na poltrona, a barba por fazer, e usando o mesmo training da ultima semana. Você está louca de raiva e não se importa com o que ele esteja passando, simplesmente não aguenta vê-lo nesta situação. Não há duvida que o desemprego dele é um problema que pertence aos dois. Queiram ou não vocês estão juntos no bem e no mal, dependentes um do outro, influenciados um pelo outro e são obrigados a enfrentar juntos a nova situação. Porem, não são apenas vocês que se encontram no mesmo barco mas, sim toda a humanidade está junto neste barco que está afundando. A crise econômica, tornou-se uma crise conjugal p/ Dani e Hana de Tel-Aviv, Michael e Jessica de N.York e Hiroki e Gio do Japão.

A partir do momento que nos tornamos uma pequena aldeia global, entramos num sistema fechado onde cada ato de nossa parte influencia aos outros e no final das contas, volta a nós como um bumerangue e nos atinge. Por isso, de nada ajudará nos irritarmos e culparmos o companheiro, isto só aumentará a distancia e a alienação entre nós. Este é justamente o momento de nos unirmos e darmos apoio um ao outro. Temos que ter paciência e principalmente muito afeto e amor, para passar em paz por esta crise e, até poder sair dela fortalecidos. Isto só é possível conseguir juntos por intermédio da consideração mutua.

Como se faz isto?

Existe um caminho mais econômico do que o terapeuta de casal; é mais antigo do que todas as linhas de psicologia e se encontra na sabedoria da Cabala que explica com simplicidade - não existe uma situação onde alguém possa estar feliz sem que todos não estejam também . No momento que entendermos isto, começaremos a nos relacionar cada um com seu semelhante com consideração e fraternidade. Criaremos assim, relações sociais felizes e saudáveis.

Esta mudança começa nas nossas relações dentro da nossa casa e de lá deve se espalhar para fora. Então, em vez de gritar com o companheiro e fazer drama, tente uma forma mais delicada e incentivadora.

1. irradie à ele segurança e amor, mostre que você está ao seu lado em qualquer condição.

2. dê reforços e mostre que você o valoriza. O homem precisa de honra e de sensação de ser necessário para manter sua auto-estima.

3. aproveitem o tempo livre para reforçar a ligação e fazer atividades juntos: comer juntos, caminhar juntos, etc..

Talvez quando ele vir que você o apóia e o ama, ele de sua parte fará um esforço em se relacionar da mesma forma e tentará te facilitar em tudo que se relaciona ao trabalho da casa. Com esta visão, apesar da crise, é possível crescer e sair dela mais próximos e ligados do que antes.

quarta-feira, 23 de junho de 2010

Escolhas de Uma Vida

Texto enviado por Berenice Ramos, obrigada pela colaboração.

A certa altura do filme Crimes e Pecados, o personagem interpretado por Woody Allen diz: "Nós somos a soma das nossas decisões".

Essa frase acomodou-se na minha massa cinzenta e de lá nunca mais saiu. Compartilho do ceticismo de Allen: a gente é o que a gente escolhe ser, o destino pouco tem a ver com isso.

Desde pequenos aprendemos que, ao fazer uma opção,estamos descartando outra, e de opção em opção vamos tecendo essa teia que se convencionou chamar "minha vida".

Não é tarefa fácil. No momento em que se escolhe ser médico, se está abrindo mão de ser piloto de avião. Ao optar pela vida de atriz, será quase impossível conciliar com a arquitetura. No amor, a mesma coisa: namora-se um, outro, e mais outro, num excitante vaivém de romances. Até que chega um momento em que é preciso decidir entre passar o resto da vida sem compromisso formal com alguém, apenas vivenciando amores e deixando-os ir embora quando se findam, ou casar, e através do casamento fundar uma microempresa, com direito a casa própria, orçamento doméstico e responsabilidades.

As duas opções têm seus prós e contras: viver sem laços e viver com laços...

Escolha: beber até cair ou virar vegetariano e budista? Todas as alternativas são válidas, mas há um preço a pagar por elas.

Quem dera pudéssemos ser uma pessoa diferente a cada 6 meses, ser casados de segunda a sexta e solteiros nos finais de semana, ter filhos quando se está bem-disposto e não tê-los quando se está cansado. Por isso é tão importante o auto conhecimento. Por isso é necessário ler muito, ouvir os outros, estagiar em várias tribos, prestar atenção ao que acontece em volta e não cultivar preconceitos. Nossas escolhas não podem ser apenas intuitivas, elas têm que refletir o que a gente é. Lógico que se deve reavaliar decisões e trocar de caminho: Ninguém é o mesmo para sempre.

Mas que essas mudanças de rota venham para acrescentar, e não para anular a vivência do caminho anteriormente percorrido. A estrada é longa e o tempo é curto.Não deixe de fazer nada que queira, mas tenha responsabilidade e maturidade para arcar com as conseqüências destas ações.

Lembrem-se: suas escolhas têm 50% de chance de darem certo, mas também 50% de chance de darem errado. A escolha é sua...!

Pedro Bial

terça-feira, 22 de junho de 2010

A Cicatriz

Texto enviado por Geraldo Venâncio, obrigada pela colaboração.

Um menino tinha uma cicatriz no rosto, as pessoas de seu colégio não falavam com ele e nem sentavam ao seu lado, na realidade quando os colegas de seu colégio o viam franziam a testa devido à cicatriz ser muito feia. Então a turma se reuniu com o professor e foi sugerido que aquele menino da cicatriz não frequentasse mais o colégio, o professor levou o caso à diretoria do colégio.

A diretoria ouviu e chegou à seguinte conclusão: Que não poderia tirar o menino do colégio, e que conversaria com o menino e ele seria o ultimo a entrar em sala de aula, e o primeiro a sair, desta forma nenhum aluno via o rosto do menino, a não ser que olhassem para trás.

O professor achou magnífica a idéia da diretoria, sabia que os alunos não olhariam mais para trás. Levado ao conhecimento do menino da decisão ele prontamente aceitou a imposição do colégio, com uma condição: Que ele compareceria na frente dos alunos em sala de aula, para dizer o porquê daquela CICATRIZ.

A turma concordou, e no dia o menino entrou em sala dirigiu-se a frente da sala de aula e começou a relatar:

- Sabe turma eu entendo vocês, na realidade esta cicatriz é muito feia, mas foi assim que eu a adquiri:.. Minha mãe era muito pobre e para ajudar na alimentação de casa minha mãe passava roupa para fora, eu tinha por volta de 7 a 8 anos de idade... A turma estava em silencio atenta a tudo. O menino continuou: além de mim, haviam mais 3 irmãozinhos, um de 4 anos, outro de 2 anos e uma irmãzinha com apenas alguns dias de vida.

Silêncio total em sala.

-... Foi aí que não sei como, a nossa casa que era muito simples, feita de madeira começou a pegar fogo, minha mãe correu até o quarto em que estávamos pegou meu irmãozinho de 2 anos no colo, eu e meu outro irmão pelas mãos e nos levou para fora, havia muita fumaça, as paredes que eram de madeiras pegavam fogo e estava muito quente... Minha mãe colocou-me sentado no chão do lado de fora e disse-me para ficar com eles até ela voltar, pois minha mãe tinha que voltar para pegar minha irmãzinha, que continuava lá dentro da casa em chamas. Só que quando minha mãe tentou entrar na casa em chamas as pessoas que estavam ali não deixaram minha mãe buscar minha irmãzinha, eu via minha mãe gritar: 'minha filhinha esta lá dentro!' Vi no rosto de minha mãe o desespero, o horror e ela gritava, mas aquelas pessoas não deixaram minha mãe buscar minha irmãzinha...

Foi aí que decidi. Peguei meu irmão de 2 anos que estava em meu colo e coloquei ele no colo do meu irmãozinho de 4 anos e disse-lhe que não saísse dali até eu voltar. Saí entre as pessoas e quando perceberam, eu já tinha entrado na casa. Havia muita fumaça, estava muito quente, mas eu tinha que pegar minha irmãzinha. Eu sabia o quarto em que ela estava. Quando cheguei lá ela estava enrolada em um lençol e chorava muito... Neste momento vi caindo alguma coisa, então me joguei em cima dela para protegê-la, e aquela coisa quente encostou-se em meu rosto...

A turma estava quieta atenta ao menino e envergonhada, então o menino continuou: Vocês podem achar esta CICATRIZ feia, mas tem alguém lá em casa que acha linda e todo dia quando chego em casa, ela, a minha irmãzinha beija porque sabe que é marca de AMOR.

Para você que leu esta história, queria dizer que o mundo está cheio de CICATRIZES. Não falo da CICATRIZ visível, mas das cicatrizes que não se vêem, estamos sempre prontos a abrir cicatrizes nas pessoas, seja com palavras ou nossas ações.

Há aproximadamente 2000 anos JESUS CRISTO, adquiriu algumas CICATRIZES em suas mãos, seus pés e sua cabeça. Essas cicatrizes eram nossas, mas Ele morreu em nosso lugar, protegeu-nos e ficou com todas as nossas CICATRIZES.. Essas também são marcas de AMOR.

"Não ame pela beleza, pois um dia ela acaba. Não ame por admiração, pois um dia você se decepciona. Ame apenas, pois o tempo nunca pode acabar com um amor sem explicação."

segunda-feira, 21 de junho de 2010

Sessão Saúde e Prevenção

Texto enviado por Joemir Rosa, obrigada pela colaboração.

A receita de hoje talvez não seja a mais saborosa das já publicadas, mas garanto que é um alimento que as pessoas deveriam incluir em sua rotina diária! Na verdade, o mais apropriado é chamar de complemento alimentar.

Sou um defensor dos alimentos naturais como forma de reequilíbrio do nosso corpo físico. Claro que não radicalizo nessa área. Defendo o equilíbrio em tudo que ingerimos, fazemos ou pensamos. Consumo carne, legumes, verduras, frutas, leite, ovos e também alguns produtos industrializados. Mas tudo sem exagero e sem fanatismo.

Ultimamente muito se tem falado sobre a ração humana. A mídia tem apresentado esse complemento alimentar destacando seus benefícios a médio e longo prazo.

A ração humana é um complemento alimentar à base de cereais integrais. São ingredientes ricos em fibras, que ajudam a acelerar o metabolismo, controlar o colesterol e triglicerídeos, estimular a digestão e saciar a fome. Entre os demais benefícios da ração humana podemos citar que ela ajuda na desintoxicação do corpo, nutre, aumenta a resistência orgânica, regula o intestino, inibe a absorção de gorduras pelo organismo e também auxilia no emagrecimento.

Porém, o consumo da ração humana por si só não emagrece. Para funcionar ainda melhor, o uso da ração humana deve ser aliado a outros fatores, como praticar atividades físicas regularmente e manter um cardápio com restrição de calorias, da mesma maneira que em qualquer dieta comum.

Em sua composição entram os seguintes ingredientes:

Linhaça

Rica em ácidos graxos essenciais (gorduras boas), como o ômega 3, sais minerais e vitaminas, a linhaça ajuda a baixar os níveis de colesterol ruim no sangue, tem ação antiinflamatória, auxilia na regularização do intestino, aumenta a atividade do sistema imunológico e possui uma substância que protege contra tumores de mamas, ovários e próstata.

Aveia em flocos

Suas vitaminas, fibras, proteínas e minerais saciam a fome, melhoram o trânsito intestinal e inibem a absorção de gordura pelo organismo.

Gérmem de trigo

Contém vitaminas dos grupos A, B, D, F, K e principalmente a vitamina E, que regenera os tecidos. Combate a menstruação irregular, dificuldade de crescimento e desenvolvimento, fraqueza muscular, infecções e desintoxica o organismo deixando o corpo mais disposto.

Açúcar mascavo

Extraído da cana de açúcar, contém vitaminas e grande quantidade de cálcio, ferro, magnésio e potássio.

Levedo de cerveja

Composto de vitamina B, manganês, cromo e fósforo, repõe sais minerais e vitaminas, fortalecendo o sistema imunológico.

Gergelim com casca

É rico em cálcio e fósforo. Possui em sua composição um óleo de ótima qualidade, além de proteínas, lecitina, vitaminas A, E, B1, B2, niacina, minerais, fibras, cálcio e ferro. Tonifica os nervos, combate dores reumáticas, tumores, ácido úrico, memória fraca, hemorróidas, gastrites, prisão de ventre, ulcera, pressão alta e é um excelente repositor de cálcio.

Guaraná em pó

A cafeína estimula o sistema nervoso central, melhorando a capacidade de raciocínio, combate o cansaço físico e mental.

Leite de soja em pó

É de fácil digestão, pouco calórico, possui menos gordura que o leite da vaca e não contém colesterol.

Cacau

Contém pouco açúcar, é rico em sais minerais como o ferro, magnésio, potássio e fósforo. Estimula a produção de serotonina, hormônio do bem-estar.

Mas, muita atenção: não se deve usar a ração humana como alimento único e nem exagerar na quantidade usada. Os especialistas recomendam também que pessoas com doenças crônicas, como diabetes e hipertensão, tomem cuidado. Estas pessoas devem eliminar o açúcar mascavo, o guaraná em pó e o cacau.

Agora veja como preparar a ração humana em casa, gastando bem menos que comprando em lojas especializadas em produtos naturais.

Ração humana

Ingredientes

250 g de fibra de trigo
125 g de leite de soja em pó
125 g de linhaça marrom
100 g de açúcar mascavo
100 g de aveia em flocos
100 g de gergelim com casca
75 g de gérmen de trigo
50 g de gelatina sem sabor
25 g de guaraná em pó
25 g de levedo de cerveja
25 g de cacau em pó

Modo de preparo

Antes de misturar os ingredientes, bata no liquidificador os ingredientes que não sejam em pó. Depois misture bem com os demais e guarde em vidros limpos e secos, bem fechados. Conserve em geladeira por, no máximo, 15 dias. Essa receita de ração humana rende 1 kg.

Consuma a mistura todos os dias misturando em sucos, com leite desnatado ou frutas. A medida ideal é de duas colheres de sopa por dia.

domingo, 20 de junho de 2010

Vamos Suavizar Nossas Emoções 2

Assistam esse vídeo e suavizem suas emoções. Contemplem a Verdadeira Natureza do Ser Humano na Terra.

Luz e Paz,

Marilda Jorge



sábado, 19 de junho de 2010

O ser verdadeiramente espiritual

Texto enviado por Marcia Maria Rizzo, obrigada pela colaboração.

Não se pode ser verdadeiramente espiritual se houver um grão de raiva, medo, dúvida, inveja ou de outras emoções negativas.

Sim, você pode dizer "Eu sou espiritual", mas se você tiver qualquer pensamento negativo em relação a outra alma ou situação, então você não pode ser espiritual no mais verdadeiro sentido da palavra.

Quantos de vocês reagem a situações que vocês sabem que não deveriam reagir?

Como o mundo pode ser curado se almas individuais não conseguem curar a si mesmas?

É dentro de si mesmo que é preciso começar a mudar.

Quantos de vocês têm problema com irmão, irmã, mãe, pai, amigo, colega de trabalho?

Sim, estou falando a você que respondeu a esta última pergunta.

Como o mundo pode ser mudado antes da paz não ser encontrada dentro de si mesmo?

Com que frequência você se pega se justificando?

Com que frequência você se pega ficando bravo com alguém?

Que desperdício de energia!
Pense só naquilo que você poderia fazer com essa energia desperdiçada!

Você poderia manifestar alguma coisa que deseja, poderia se educar - há tantas maneiras de usar a energia de modo positivo.

Quanto mais você faz isto, mais você se torna capaz de criar e manifestar.
Só é preciso que você detenha o fluxo de energia negativa.

Posso ouvir você agora dizendo:
"Mas a pessoa não vai falar comigo".

E eu vou responder:
"Você precisa dela na sua vida - verdadeiramente você precisa dela na sua vida?"

Você está aqui por sua própria vida, não pela de outros!

Se você puder ficar na frente de Deus, como você conhece essa energia, e reconhecer que está imaculado... é isso o que importa.

Você se justificar com alguém não muda as coisas porque sempre haverá dois pontos de vista.

Como eu escrevi em outra mensagem:
"Cada homem tem sua própria verdade."

Por que é importante que você esteja certo?
Você acha que será humilhado porque não se justificou?

Eu lhe direi que não será não.
Você avançará na consciência porque você não mais está enredado na antiga energia da justificativa.

Você não mais estará vivendo numa energia estagnada.

Conforme você liberar, conforme você avançar, você então começará a ver um novo lado da vida, aquele que você não poderia ter visto antes porque estava enredado no conflito.

Libere-se da necessidade de estar certo, de ser o vencedor.
Não dê energia a qualquer coisa.
Fazer isso só interessa ao ego que tem que fazer isso porque é isso que ele pensa que deve ser feito devido ao hábito de tantos anos de vida.

Apenas se retire.
Deixe que isso se torne problema da outra pessoa, não seu.
Não dê energia de modo algum.
Logo você verá a diferença em sua vida.

Sim, haverá a tristeza de deixar ir.
Talvez a situação esteja ocorrendo há muitas encarnações.
Entretanto, logo será curada. Apenas lembre-se disto.

O processo de cura se inicia imediatamente - assim que você deixar ir!

Maitreya

sexta-feira, 18 de junho de 2010

Vamos Suavizar Nossas Emoções

Assistam esse vídeo e suavizem suas emoções. Contemplem a Verdadeira Natureza da Natureza. Animais Racionais e Irracionais convivendo em paz e harmonia.

Luz e Paz,

Marilda Jorge




quinta-feira, 17 de junho de 2010

O que são mandalas?

Mandalas são centros de força trazendo muita Luz e Paz. E precisamos respeitá-las acreditando nesta força. Se não acreditar é melhor nem colocar. Muitos a acham bonitinha e usam para somente decorar... pois vamos falar um pouco da história das mandalas e vocês verão que elas são muito mais que isso e realmente ajudam todos os ambientes onde forem colocadas.

Na China elas são respeitadas e sempre foram usadas para atrair abundancia de saúde, harmonia e muita sorte nos negócios. Os monges Tibetanos faziam um grande exercício de paciência, temperança e calma, criando mandalas de areia colorida, demoravam dias para terminá-las e quando isso acontecia eram desmanchadas e recomeçavam novamente. Este trabalho também se estendia aos pergaminhos e pinturas delicadas, decorações de móveis em várias dinastias e nos tecidos de seda finíssimo das roupas dos altos escalões sociais.

No Ocidente ela ficou mais conhecida através do Feng Shui e no estudo do ba-guá dentro do seu lar, escritório ou consultório, hoje usado amplamente por engenheiros, arquitetos e decoradores.

Mandalas não tem nada haver com decoração e, sim, com correção de ambientes. Podemos usar a cromoterapia (a arte das cores em todos os cantos da casa), usando vasos com flores, almofadas, cristais etc... mas a mandala é totalmente diferente.

O que faz uma mandala diferente? É a vibração especial do estudo que é feito antes de confeccioná-la. Todas as pessoas têm uma mandala especial em sua vida, a do nascimento. Hoje todos desejam fazer uma mandala e podem, mas precisa ver se estão fazendo certo! Os resultados através do tempo provam que, se não fizer direito, não existirão os benefícios esperados, então será mais uma aquisição decorativa apenas.

Quem sabe usar a Geometria Sagrada, símbolos, cores e a numerologia certa, estará confeccionando algo impar, pois não existe mandalas iguais, já que todas as pessoas são diferentes.

No Ocidente, as melhores mandalas são pintadas em óleo sobre tela e com tintas especiais. A pessoa também deverá saber energizá-la de acordo com o que precisa. Tudo tem um porque e é bem sério!

Para conhecer mais sobre essa técnica, clique aqui.

Luz e Paz,

Marilda Jorge

quarta-feira, 16 de junho de 2010

Respir AR Ação...

Texto enviado por Conceição Trucom que é química, cientista, palestrante e escritora sobre temas voltados para o bem-estar e qualidade de vida, obrigada pela colaboração.

A respiração é fundamental para a qualidade dos nossos sentimentos, pensamentos, atitudes e toda a fisiologia do corpo físico.

A respiração guarda o segredo da vida. Na verdade, o homem se alimenta muito mais pela respiração do que através do alimento. Dizem alguns pesquisadores que 80% da sustentação do corpo humano está na respiração. Mas, na atualidade os indivíduos só inspiram 30% do ar que deveriam atrair para seus pulmões. Praticamente não usamos a parte baixa de nossos pulmões.

É importante salientar que a partir do momento em que, através da respiração, nós assumimos o controle da entrada de vida e energia em nosso corpo físico, só então estaremos permitindo que todo o Ser expanda.

Com a expansão de todos os corpos (físico, emocional, mental e espiritual) haverá uma habitabilidade terrena superior, que amplia expressões e percepções.

Ao realizar a respiração é importante perceber a conexão com a própria espiritualidade, entrando em sintonia com o Universo, atraindo e deixando penetrar com mais intensidade a energia vital e cósmica.

Através da respiração correta e consciente podemos:
• Conectar-nos com a essência cósmica da Vida, através do Prana (glóbulos de energia vital) que o ar que respiramos contém;
• Expandir a consciência através de estados mais relaxados da mente, possibilitando aumentar a freqüência e intensidade dos momentos de lucidez e clareza;
• Mergulhar na espontaneidade, restaurando e corrigindo eventos passados;
• Melhorar a oxigenação do cérebro, possibilitando maior "juventude" para as suas células e a prevenção de inúmeras doenças;
• Evitar o desequilíbrio emocional, a depressão e a melancolia;
• Retardar o envelhecimento;
• Alterar e melhorar a anatomia da boca e da face, favorecendo a expressão facial.

Com uma respiração eficaz podemos administrar situações de insegurança, medo, raiva, nossas emoções e a das pessoas com quem nos relacionamos.

A respiração deve ser realizada através do nariz, cuja função entre tantas outras é a de inspirar e soltar o ar. Realizada pela boca, a respiração perde em qualidade. Observe: no nariz temos os pelos para filtragem, as secreções internas para umidificar o ar e os vasos sangüíneos que permitem o aquecimento do ar. Portanto, o ar que é inspirado através das narinas segue para os pulmões em condições mais adequadas.

As conquistas de uma respiração adequada:
• Desobstrução dos canais de percepção do corpo humano;
• Relaxamento de todo o organismo, conferindo mais elasticidade e flexibilidade às couraças musculares;
• Aumento da consciência corporal, imprescindível para maior controle sobre a saúde de órgãos e sistemas.
O que perdemos com uma respiração inadequada:
• Olhar apagado;
• Problemas dentários e nas gengivas (vermelha e inchada);
• Boca ressecada;
• Musculatura da face mais flácida (envelhecida);
• Maior vulnerabilidade às doenças respiratórias; entre elas as alergias, faringites e amigdalites;
• Baixa qualidade do sono, que não é tão restaurador;
• Prejuízos alimentares, porque há perdas do paladar.

Dentre os vários fatores que impedem uma boa respiração está o trauma de nascimento. Este fato envolve praticamente toda a humanidade. Diante disso, quando decidimos alterar nossa respiração, podem surgir bloqueios e impedimentos. Um acompanhamento terapêutico nesta hora será fundamental.

Mas, não desista. Há um ditado que diz: O hábito faz o monge. Assim, a busca de uma prática diária de reeducação respiratória irá aos poucos conferindo a sua forma adequada de respirar.

terça-feira, 15 de junho de 2010

Casa e Lar, eis a diferença...

Texto enviado por Solange Molina, obrigada pela colaboração.

Escrito por Abigail Guimarães (inspirada numa reflexão de Alba Magalhães David) Vitória da Conquista - Bahia - Brasil

Casa é uma construção de cimento e tijolos.
Lar é uma construção de valores e princípios.
Casa é o nosso abrigo das chuvas, do calor, do frio...
Lar é o abrigo do medo, da dor e da solidão.
Casa é o lugar onde as pessoas entram para dormir, usar o banheiro, comer. Onde temos pressa para sair e retardamos a hora de voltar.
O lar é o lugar onde os membros da família anseiam por estar nele, onde refazem suas energias, alimentam-se de afeto e encontram o conforto do acolhimento. É onde temos pressa de chegar e retardamos a hora de sair.
Numa casa criamos e alimentamos problemas.
O lar é o centro de resolução de problemas.
Numa casa moram pessoas que mal se cumprimentam e se suportam.
Num lar vivem companheiros que, mesmo na divergência, se apóiam e nas lutas se solidarizam.
Casa é local de dissensões, conflitos, discórdia...
No lar as dissensões, os conflitos, existindo, servirão para esclarecer e engrandecer.
Numa casa desdenha-se dos nossos valores.
No lar sonhamos juntos.
Numa casa há azedume e destrato.
Num lar sempre há lugar para a alegria.
Numa casa nascem muitas lágrimas.
Num lar plantam-se sorrisos.
A casa é um nó que oprime, sufoca...
O lar é um ninho que aconchega.

Se você ainda mora em uma casa, nós o (a) convidamos a transformá-la, com urgência, em um lar e que Jesus seja sempre o seu convidado especial.

segunda-feira, 14 de junho de 2010

Dores do Frio - Sessão Saúde e Prevenção

Texto do Dr. Fabio Ravaglia, Médico ortopedista graduado pela Escola Paulista de Medicina (Unifesp), obrigada pela colaboração.

O frio está chegando e, para muita gente, pode trazer problemas como dor nos ossos, nas articulações, na musculatura. Inspirados por filmes e notícias de outros países, quem de nós já não sonhou em curtir o inverno frente à lareira, enrolado em uma manta?

Embora esse aconchego seja tentador, certamente não é acessível a todos e acaba sendo uma possibilidade distante da realidade. O frio está chegando e, para muita gente, pode trazer problemas como dor nos ossos, nas articulações, na musculatura; sintomas de artrose e de bursite se acentuam; dor de ouvido, dor de cabeça; sem falar nas gripes e resfriados e suas respectivas dores no corpo. O que fazer? Primeiro nem sonhe em ficar parado frente à lareira. Mesmo que possível essa não seria mesmo a melhor opção para a saúde. Para combater os males do frio sobre o corpo humano, a regra é: mexa-se! Veja a seguir dúvidas muito comuns das pessoas relacionadas ao inverno e como movimentar-se pode evitar diversos problemas, impedindo que o corpo enferruje nesta estação do ano.

1. Pessoas mais magras sentem mais frio?
As pessoas mais magras tendem a sofrer mais com a queda de temperatura, porque a gordura corporal dá uma proteção ao frio. Portanto, sentem mais frio em relação aos mais gordinhos. O corpo humano tem temperatura estável, por volta de 36 graus, dependendo de cada um. Quando faz calor precisa perder temperatura e quando esfria muito é o contrário, há necessidade de ganhar temperatura.

2. As pessoas ficam pálidas no inverno?
Ocorre que, com o frio, os vasos se escondem e o coração passa a bater mais forte para manter a temperatura corporal. Este esforço resulta na palidez do rosto.

3. Os ossos doem mais no inverno?
Esta é uma pergunta que sempre ouço. A resposta é sim! E há explicação para isto. É fato que, nos dias frios, aumenta a possibilidade de constrição vascular (diminuição do fluxo de sangue nos vasos do corpo) e a pessoa se encolhe ao sentir o frio, tencionando músculos e nervos. A tendência é de os músculos ficarem mais tensos ou terem contratura, o que ajuda a tornar algumas partes do corpo doloridas. Ficar encolhido pode afetar a postura e provocar dores na coluna. Além disso, nas articulações, o líquido sinovial — que fica mais espesso com o esfriamento do corpo —, pode gerar incômodos também.

Apesar dos poucos estudos sobre o impacto da baixa temperatura no organismo das pessoas, é fato que queixas de desconforto nos ossos, articulações e músculos são muito comuns nos consultórios médicos durante o inverno. O clima frio é um problema mais sério para quem sofre de algumas doenças crônicas. Na área de ortopedia há muitas reclamações de dores nas articulações. Os sintomas da artrose ou da bursite ficam acentuados. Não se sabe ao certo se a responsável por provocar as dores é a temperatura baixa ou a umidade do ar. Sem contar a sensação térmica, que é a temperatura percebida pelo corpo humano diante da conjunção do frio com o vento, que resulta em mais frio do que a temperatura marcada pelos termômetros. O fato é que as pessoas admitem que ficam sem disposição para a atividade física quando faz frio, o que é um erro para a saúde.

4. No inverno, é melhor tratar os problemas no corpo com bolsa de água fria ou quente?
Na verdade, tanto faz. Há uma controvérsia em fisioterapia sobre qual é a melhor opção para tratamento: o uso de calor ou frio? Digo que cada um tem uma função apropriada para cada problema e pode-se usar até alternadamente gelo ou bolsa de água quente ou o calor de lâmpadas. O tratamento com frio é mais completo porque é analgésica, a aplicação diminui a sensibilidade local e reduz a inflamação, quando ela existe. Em todo caso, havendo intolerância ao gelado porque a temperatura ambiente está muito baixa, o paciente pode fazer compressa quente. O calor faz com que aumente a circulação nos vasos associados, melhora a circulação na região e intensifica a atividade. A alternância entre o frio e o calor serve para tirar o inchaço do local.

5. Frio demais dá dor-de-cabeça?
A constrição sanguínea ou a contração muscular podem provocar dores na cabeça. Por isso, convém se agasalhar, usando touca ou chapéu, para manter esta parte do corpo mais relaxada. Dentro deste tema, algumas pessoas sentem dor-de-cabeça quando tomam sorvete, mesmo que no verão. A explicação é a mesma: o frio do sorvete afeta a temperatura do sangue e dos músculos e desencadeia os mesmos sintomas de quando a temperatura ambiente não está alta.

6. O choque térmico provoca mesmo doenças?
Aqui a informação importante, principalmente para quem sofre de doenças reumáticas: a troca de calor para frio ou vice-versa não causa a dor. A friagem sentida ao abrir a geladeira logo após tomar um banho quente, o chamado golpe de ar, já foi acusada de provocar paralisia facial. Hoje, não há discordâncias quanto a isto: a paralisia é provocada por um AVC, um derrame cerebral.

7. E gripes e resfriados?
As mudanças de temperatura podem ajudar a desencadear um quadro de resfriado. As gripes, porém são transmitidas por microorganismos e independem de mudanças de temperaturas. Gripes e resfriados são doenças muito mais incidentes no inverno do que no verão. Por isso, recomenda-se a vacinação anual, inclusive dos tipos mais graves, como a causada pelo vírus H1N1, e evitar as mudanças bruscas de temperatura, protegendo sempre o corpo com agasalhos. No frio, o nariz e a garganta parecem mais sensíveis quando a pessoa apresenta um quadro de gripe e resfriado. Convém manter a higiene e ficar atento a novos sintomas, que poderão exigir outros medicamentos, sempre indicados pelo médico. Aliás, não se deve automedicar mesmo no caso de um simples resfriado.

8. Como ficar bem disposto nos dias frios?
Os músculos e articulações frequentemente parados ajudam a aumentar sintomas de muitos problemas de saúde, pela perda de flexibilidade. Com o passar do tempo, o sedentarismo tem sido o grande vilão da saúde. Como ninguém quer perder a autonomia quando ficar mais velho, a dica é mexer o corpo agora. Recomendo duas coisas muito simples: fazer alongamento e caminhada, fortes aliados no combate às dores de inverno. Estas atividades físicas são complementares e recomendadas quase que para todas as pessoas, em qualquer idade.

9. Como o alongamento ajuda?
Antes de fazer qualquer exercício físico, o alongamento é essencial e no frio, sua importância é crucial para destravar ossos, músculos e nervos para que o sistema locomotor funcione plenamente e com toda a facilidade. Os exercícios de alongamento são simples e podem ser praticados a qualquer momento. Ao levantar, espreguice e no trabalho ou na escola, estique pernas e braços, evitando ficar muito tempo em uma só posição. A maneira correta de se alongar é observar a postura ereta, posicionando a coluna reta, alinhada com a cabeça (para isto, utilize o queixo como guia: ele deve ficar paralelo ao chão). A partir daí, movimente braços, pernas e pescoço, esticando a musculatura e relaxando. Fique atento ao trabalho de músculos e articulações, que devem ser dobradas e desdobradas. O ideal é fazer alongamento pelo menos uma vez ao dia, todos os dias. Cada movimento convém ser repetido três ou quatro vezes. No caso do alongamento ser praticado antes e depois da prática esportiva, é recomendável que a sessão dure cerca de dez minutos.

10. Como o hábito de realizar caminhadas pode ajudar?
O hábito de caminhar deve ser mantido em todas as estações do ano. No entanto, alguns cuidados devem ser tomados para que a caminhada continue a ser uma prática saudável, mesmo no inverno. É importante saber que a respiração se altera na caminhada no inverno, porque o ar gelado entra pelo nariz e se choca com a temperatura interna do corpo – cerca de 36 graus centígrados. Além disso, ficamos mais vulneráveis a lesões musculares, gripes e resfriados.

E quais os cuidados para caminhar no inverno? Atenção redobrada ao alongamento! O alongamento deve ser feito, no mínimo, por 15 minutos. Mãos, pés e cabeça precisam de estimulação extra. Faça movimentos contínuos para que fiquem aquecidos. Além disso, não esqueça o agasalho, inclusive para as extremidades do corpo. Aconselho a caminhada pela manhã. Em outro horário é preciso proteger a pele porque mesmo no inverno os raios solares são nocivos e, quem mora em cidade grande, pode evitar as horas do meio do dia por causa da poluição do ar.

O exercício mexe com a musculatura e contribui para o bombeamento do sangue para as extremidades. Faça também um alongamento em todo o corpo, como se estivesse espreguiçando. Para esquentar os pés e as pernas, fique em pé, deixe os pés paralelos e role a planta do pé, ficando apoiado nas pontas e depois nos calcanhares, repetidas vezes, e para as mãos, coloque a palma para cima e massageie com o polegar a região do punho, alternando a direita e a esquerda. Caminhar ajuda a aumentar a resistência, o que ajuda a evitar resfriado e gripe. A receita do esquimó é correta: não deixe de movimentar o corpo, mesmo que haja muita neve lá fora.

domingo, 13 de junho de 2010

Tuareg

Texto de José Araujo, obrigada pela colaboração.

Num lugar legendário, onde a terra é seca, onde o vento sopra sobre um mundo de areias e pedras, onde o sol ardente força o homem a levar uma silenciosa e discreta existência, é lá, que iremos conhecer a estória de Aziz, o Tuareg. Seu povo nômade vive a mais de dois mil anos no imenso deserto do Saara. Um lugar místico, cheio de paisagens diferentes, que escondem em dunas ou rochedos ardentes, pequenos oásis que mais se parecem com pedaços de um paraíso perdido. Este meio ambiente, onde a vida real, os sonhos, os mistérios e o misticismo se misturam ao lugar, tem moldado ao longo dos séculos o povo Tuareg, também chamado de Molâthemin (Povo dos véus).

Um povo que diferentemente de outras nações do Oriente Médio, não obriga as mulheres a cobrirem o rosto, mas sim os homens, mas o fazem para evitar que os maus espíritos se apoderem deles entrando pela boca e pelo nariz. Na cultura Tuareg, os chefes de cada grupo sempre foram mulheres, pois são elas que têm o dom da intuição e o poder de falar com os espíritos da natureza. Para os Tuaregs, o conceito de masculinidade se mede pelo comportamento rude de um guerreiro, ele não pode ser sensível, muito menos expressar os seus sentimentos.

Há tempos atrás, no Vale de Tidene, nascia Aziz, filho da Amenokal (suprema chefe) Tin Hinan e sua chegada foi saudada com honrarias por todos os componentes da tribo. Desde bebe, foi entregue ao mais bravo dos guerreiros para ser treinado como todo homem deve ser.

O tempo não para, os dias e noites se tornam pássaros, se juntam em bandos, voam para longe, não voltam mais.

Aziz cresceu, já era quase adulto e de vez em quando, fechava os olhos e vivia o ontem, galopando com seu pai num cavalo alazão, e ele, segurava-o firmemente pela cintura, enquanto Aziz abria os braços e parecia estar voando, como se os Deuses tivessem de repente, lhe dado este poder. Viver o Ontem era algo que ele gostava de fazer de vez em quando, porque era algo que lhe trazia paz e esperança de que um dia tudo pudesse mudar em sua vida. Que ele realmente pudesse ser livre para ser ele mesmo, sem ter que fingir e reprimir seus sentimentos. Por ordens de Tin Hinan sua mãe, o bravo guerreiro que o acompanhava por todo canto, tinha que ensinar Aziz desde pequeno o que era ser homem em sua nação, mas para isto, ele teve que aprender a lutar e matar seu semelhante. Mas esta imposição, bem no fundo de seu coração, Aziz nunca aceitou.

O tempo como sempre, não para, os dias e noites se tornam pássaros, se juntam em bandos, voam para longe, não voltam mais.

Ele se tornou um adulto, cada vez mais belo, tanto que muitos de sua tribo, diziam ao pé da orelha uns dos outros, que ele não tinha feições masculinas, nunca seria um guerreiro, seria a vergonha de sua nação. Os homens geralmente cobriam o rosto com o véu quando chegavam à idade adulta numa cerimônia de iniciação, e finalmente, chegou a vez de Aziz usar o seu, mas algo estranho aconteceu. No grande dia, Tin Hinam colocou o véu em Aziz cobrindo-lhe a face e o levou para fora da tenda. Era preciso que todos os membros da tribo pudessem ver que seu filho já era um adulto. Que já poderia atravessar com as caravanas, o imenso deserto do Saara. Quando eles apareceram na saída da tenda, não houve homem, mulher ou criança, que não levasse as mãos à boca em sinal de espanto. A expressão de seus olhos, a única coisa plenamente visível agora, era de um anjo, não de um guerreiro bravo e feroz. Até então, Tin Hinan não havia prestado atenção em seu filho, pois o posto de chefe suprema da tribo lhe tomava todo o tempo, e agora, diante daqueles olhos cheios de paz e bondade, ela se sentiu pequena. Foi como se de um momento para o outro, ela tivesse descoberto que havia na vida de um homem, há muito mais do que simples coragem e bravura.

Que dentro dos corações dos homens também existem sentimentos e emoções.

Após alguns momentos de silêncio, sua mãe anunciou à tribo que seu filho, daquele dia em diante, iria fazer parte do grupo que vigiava o acampamento à noite. Maior honra não poderia haver para um homem. Não houve um só membro que não aclamasse Aziz pela grande honra que estava recebendo. Porém, dentro do coração de Aziz havia um vazio enorme. Uma dor imensa que o atormentava a cada momento, pois usar o véu para cobrir seu rosto, era sinal de que estava fadado a reprimir seus sentimentos e fingir uma coisa que não era para todo o sempre.

E o tempo se passou, os dias e noites se tornaram pássaros, se juntaram em bandos, voaram para longe e não voltaram mais.

Dia após dia, Aziz ficava cada vez mais triste. A expressão que havia em seus olhos, incomodava a todos os seus companheiros e era tanto o incomodo causado, que eles resolveram se afastar dele, pois achavam que ele era uma ameaça à reputação masculina de todos os homens da tribo. Aziz aos poucos viu se só. Não havia mais ninguém para lhe fazer companhia. Numa noite silenciosa, deitado sobre uma pedra, no topo da montanha, ele olhava para o céu e as estrelas que magicamente, estavam iluminados por uma Lua gigantesca que parecia preencher todo o firmamento. Sua voz estava silenciada, mas seu coração gritava por socorro. Ele queria que os Deuses lhe mostrassem o caminho a seguir, o caminho da salvação, pois para Aziz, aquilo não era vida, era uma prisão, onde ele estava sendo reprimido e oprimido ao mesmo tempo. Pelos costumes de sua gente, literalmente ele teve seu direito de ser negado em nome da tradição. O que mais lhe doía, era que sua mãe Tin Hinan, a quem ele tanto amava, também concordava com aquela regra injusta e desumana a que ele estava sendo obrigado a aceitar. Ele fechou os olhos por alguns instantes tentando ouvir o som do silêncio que o rodeava, e foi então, que de repente, ele ouviu uma voz firme e suave ao mesmo tempo, dizendo ao pé de seu ouvido...

-Aziz, lembre-se de que o que faz do deserto um lugar mágico, é que nele, em algum lugar, há sempre um poço de água escondido de onde se pode beber a essência da vida. Você é um poço escondido no deserto de amor em que vive seu povo. Um poço de onde um dia, eles beberão a sabedoria de que o amor tem mais força do que a guerra. Que a vida, é o maior bem que existe neste mundo e que ela é sagrada. Eles aprenderão com você, que a vida é muito mais do que eles imaginam. Que é preciso aceitar as diferenças, porque cada um de nós é único e que é preciso viver e deixar viver.

Da mesma forma que a voz surgiu, ela se foi. Aziz levantou-se decidido. Seu coração batia calmo e compassado enquanto caminhava em direção à sua aldeia. Seu caminho foi iluminado a cada passo pela luz divina que sempre o acompanhou. Daquele instante em diante, ele compreendeu a verdadeira importância de ser ele mesmo De demonstrar todos seus sentimentos. Ao entrar na aldeia, Aziz tirou o véu de seu rosto. Ele caminhou de rosto livre, com o vento da noite soprando em seus cabelos e tocando sua face. Ele carregava em seu rosto um sorriso que nunca mais deixou de acompanhá-lo por toda a sua vida. Finalmente ele estava feliz.

Como sempre, o tempo não para, os dias e noites se transformam em pássaros, juntam-se em bandos, voam para longe e não voltam mais.

O povo de sua aldeia, desde a manhã daquele dia que ficou para trás a muito e muito tempo, passou a enxergar Aziz com outros olhos, não estranharam a ausência do véu em seu rosto, apenas enxergavam seu sorriso sincero, sem maldade e a bondade em seu olhar. Viam nele o que havia escondido dentro deles mesmos por séculos a fio. A necessidade desesperada, de viver em paz, de serem autênticos e aceitar as diferenças entre seus semelhantes. Sem guerras, sem violências, e assim foi.

É certo que o tempo não para, os dias e noites se transformam em pássaros, juntam-se em bandos, voam para longe e não voltam mais.

As mulheres Tuaregs, ao longo dos tempos, continuaram sendo as lideres de seus grupos, mas no Vale de Tidene, os homens de hoje, ainda respeitam as tradições usando seus véus para se proteger dos maus espíritos que os rondam no deserto, mas vivem em paz consigo mesmos e são felizes porque podem ser eles mesmos.

Eles sabem apreciar a paz e beleza de uma flor, quando milagrosamente a encontram pousada sobre uma pedra pontuda e afiada, à beira de um poço traiçoeiro de areias movediças, no meio do deserto infinito, do ódio, do rancor e do preconceito...

sábado, 12 de junho de 2010

Tudo está bem no meu mundo!

Texto extraído do Livro: Você pode curar sua vida de Louise L. Hay.

"Na infinidade da vida onde estou tudo é perfeito, pleno e completo.

Meus singulares talentos e habilidades criativas fluem através de mim e se expressam das maneiras mais gratificantes.

Existem pessoas lá fora sempre procurando meus serviços.

Sou sempre requisitado e posso escolher o que quero fazer.

Ganho bem trabalhando no que me satisfaz.

Meu trabalho é uma alegria e um prazer.

Tudo está bem no meu mundo!"

Luz e Paz,

Marilda Jorge

sexta-feira, 11 de junho de 2010

Puxa Vida! Já é dia dos namorados?!

Respondendo E-mails...

Só tem gente reclamando... UAU! “Estou só!”

Tem pessoas que só têm motivo para comemorar e outras só para reclamar!!!

Dependendo do ângulo de visão e de você se preparar, talvez no ano que vem você já esteja mais preparada(o) e saiba, realmente o que é namorar... Preparar para que? Talvez você não saiba, mas muitos itens fazem de um relacionamento algo importante.

São certos aprendizados e dicas que valem a pena tentar... e hoje, os pais não chegam juntos ou não conseguem... pois eles na maioria não tem tempo para se cuidar e aprender. Aprender sim!

Vamos ilustrar isso de forma bem simples: Você sabe se valorizar? O que existe em você que é diferente? Sabe se vestir, se portar, sabe sorrir em vez de gargalhar? Você sabe trocar idéias, ver os gostos do outro, ouvir, correr atrás dos seus objetivos? Quando gosta de alguém, sabe mostrar seus sentimentos ou adora ser duro(a), para não sofrer? E quando bebe? Sabe beber ou quer se embebedar e soltar a franga? Sabe usar certas estratégias e não mostrar ansiedade como se estivesse no deserto há meses e precisasse beber a fonte inteira da primeira vez? Pois é, vamos conversar um pouco e ver o que está pegando feio nisto tudo...

Valorizar-se - (dar valor a si mesmo). A maioria dos seres acha isso fora de moda, mas no fundo todos querem ser elogiados, amados, acariciados e ter alguém presente nestas datas importantes, pois foram convencidos disto. Ótimo, mas vamos ao que interessa... Se você se ama e respeita, terá dignidade e essa fará de você alguém diferente. Diferente para ser notado e ser amado!

Diferente no saber se vestir, combinar cores, saber o que lhe fica bem e é confortável, além de não seguir uma moda a risca, pois se for analisar (olhe-se no espelho), não combina com você em nada, então não a use! Saber se chique, é ser elegante sem provocações... Alguém quer se orgulhar de dizer que tem uma namorada(o), dentro de um patamar que se valoriza e com um potencial diferente. Entendeu agora estas duas questões? Ótimo!

Vamos em frente...

Se você quer aparecer o tempo todo, vai causar medo e espanto! Ninguém gosta de estar “esse tempo todo” policiando alguém... não saber conversar, se “enturmar” e ser simplesmente um ser ótimo e comum... já pensou nisto? Sabe andar de mãos dadas, trocar um papo agradável e inteligente, beijar, acariciar? Estas coisinhas básicas que todo mundo diz que sabe, mas não sabem, pois se soubessem teriam e fariam mais atenção! Esta atitude traz e faz as condições especiais para conhecer o outro(a) e fazer deste(a), um(a) companheiro(a). Namorar é isso! Senão para que existiria o Dia dos Namorados? Só para presentear e ser presenteado? Você não acha que isso fica só no comercial? Amor e namoro não são um negocio, embora muitos pensem ao contrario!!!

Quanto aos sentimentos, você costuma ser verdadeiro ou inventa mil histórias e mentiras? Adora se fazer de coitadinho(a)? Mesmo que tenha se interessado jamais dirá a verdade? Pois então se prepare para ficar mais alguns anos sozinhos e aprendam a serem verdadeiros e perseguirem os seus objetivos, pois pessoas dissimuladas e que só jogam com a sedução momentânea, não tem capacidade de amar e jamais são confiáveis... Quando você não se leva a sério, ninguém leva.

Outro ponto importante, não beba se no primeiro gole perde as estribeiras, pois nenhum ser decente adora alguém que solta a franga e fica todo animado no primeiro, segundo ou terceiro copo, ou então no final está vomitando pelos cantos. Já vi muita gente perder o controle e mesmo num evento chique se perder de vez e ficar sem relacionamento instantaneamente. E ainda tiveram a coragem de dizer que era para tomar coragem... foi mal!

Será que se conter e fazer a vista de paisagem é tão difícil para você? Então procure aprender como deve ser calmo(a), pois a vida ensina que chegar junto é dar tempo ao outro se posicionar. Isso vale para o beijar, pegar, amassar etc...

Quando digo se posicionar não é mentir e sim neste momento ser o mais verdadeiro possível, pois só assim encoraja a você e ao seu par. Embora todos queiram ser modernos e antenados, seres muito oferecidos não inspiram confiança e ninguém deseja namorar alguém sem credibilidade... pense muito nisto! Você quer alguém ou quer ficar somente? A escolha é sua!
Outro item importante veja se o seu alvo tem caráter e é alguém do bem! Veja também se não se relaciona com alguém, pois de encrenca, fuja o mais rápido possível! Gente do bem não sai arranjando namorados(as) em pencas, pois não somos bananas e sim, seres humanos e quando gostamos de alguém precisamos ser confiáveis de todos os lados.

Gente que não deu certo com você durante os primeiros sete meses, dificilmente dará certo no futuro. Famílias que não se unem e nem se respeitam já mostram de cara um relacionamento difícil para todos. Se não existir química entre os dois... hummm... posso fazer uma perguntinha? Você gosta de sofrer? Não! Então passe o dia dos namorados lendo um bom livro, saia com amigos ou pegue a turma e vá dançar, garanto que este ano você pode ficar sozinho(a), mas no ano que vem terá um grande amor!!! É só seguir o manual... (o antigo está na moda)... rsos...

Depois não adianta fazer novena, trezena, falar com os santos, ir ao pai de santo e chorar... se tudo o que foi comentado estava errado em você, a culpa é sua! Está aí a necessidade de mudar as atitudes, intenções e mirar no alvo certo.

Seja um ser inteligente e faça tudo diferente.

Desejo para todos, “Um Feliz Dia dos Namorados”!

Luz e Paz,

Marilda Jorge

quinta-feira, 10 de junho de 2010

Onde você mora?

Texto escrito por Adolfo César Guelso, obrigada pela colaboração.

Qualquer pessoa de senso médio observa que muitas coisas estão mudando em nosso mundo. As estações do ano já não são as mesmas. Temos menos frio no inverno e, no verão, um calor insuportável a cada ciclo que passa.

As tecnologias progrediram de uma forma espetacular. Estamos tendo acesso a aparelhos e equipamentos inimagináveis poucos anos atrás. Os processos e métodos de produção de alimentos cresceram de uma forma gigante, embora existam milhões de seres humanos com fome.

A população aumenta de uma forma constante em todo o planeta. Os fenômenos geológicos como terremotos, vulcões, tsunamis, maremotos e climatológicos como tempestades, enchentes, ciclones, sucedem-se pelo planeta de forma implacável.

A brutalidade humana, a falta de ética e de valores morais na humanidade está maior a cada dia que transcorre. Os que devem e podem tomar atitudes para melhorar são os primeiros a roubar, a mentir e iludir em benefício próprio. Nos jornais e programas de notícias nas televisões só vemos tragédias, catástrofes, brigas entre irmãos e pais, mortes...

E aí... você sabe onde mora?

Aparentemente moramos em um planeta que parece grande. Mas não, é só aparência. Nosso planeta está situado em uma dos milhares de Galáxias que existem no Universo, mais precisamente na Galáxia chamada Via Láctea. Formada por milhões de outros sistemas solares similares ao nosso, só que infinitamente maiores. Quase 200 bilhões.

Nossa morada celeste, a Via Láctea, tem a forma de um disco. E o nosso Sistema Solar está localizado na extremidade de um dos braços que a formam, pois tem a formato de uma hélice.

Nosso planeta, a Terra, em termos astronômicos não é mais do que um grão de areia na imensidão do Universo. Somos quase invisíveis em nossa Galáxia.

O período de uma vida humana é exatamente a metade do tempo de uma piscada de olho, se comparada ao tempo de vida de nossa Galáxia. Vivemos quase nada aqui na Terra.

Quando estamos observando o céu à noite e olhamos para as estrelas, estamos olhando para o passado. Pois, os pontos luminosos que vemos são de estrelas e outros astros, onde sua luz leva bilhões de anos para chegar até nós.

Reflitamos:

Como pode, em um pequeno planeta como o nosso, haver tanto ódio entre nações, tanto rancor entre seres humanos, tanto ódio racial, se tudo e todos têm a mesma origem: Deus. Não interessa qual seja tua crença religiosa, quem criou a pedra, a água, o Universo e criou a todos nós.

Natureza, plantas, todo o reino animal e nós seres humanos somos irmãos. O que nos difere é somente o destino de cada um. Só.

Onde tudo isto vai parar, nos perguntamos? Tecnologicamente evoluímos enormemente, mas como seres humanos, como ser social estamos regredindo paulatinamente. Trancando-nos em grandes condomínios, nos fechando em grupos distintos, nos isolando uns dos outros. E por quê? Por medo do outro ser humano.

Será que a humanidade, no estágio em que está, tem, ainda, salvação?

O quê você pensa?

quarta-feira, 9 de junho de 2010

OS CINCO ESTÁGIOS DE UMA CARREIRA

Escrito por Max Gehringer e enviado por João Brito, obrigada pela colaboração.

O PRIMEIRO estágio é aquele em que um funcionário precisa usar crachá, porque quase ninguém na empresa sabe o nome dele.

No SEGUNDO estágio, o funcionário começa a ficar conhecido dentro da empresa e seu sobrenome passa a ser o nome do departamento em que trabalha. Por exemplo, Heitor de contas a pagar.

No TERCEIRO estágio, o funcionário passa a ser conhecido fora da empresa e o nome da empresa se transforma em sobrenome. Heitor do banco tal.

No QUARTO estágio, é acrescentado um título hierárquico ao nome dele: Heitor, diretor do banco tal.

Finalmente, no QUINTO estágio, vem a distinção definitiva. Pessoas que mal conhecem o Heitor passam a se referir a ele como ‘o meu amigo Heitor, diretor do banco tal’. Esse é o momento em que uma pessoa se torna, mesmo contra sua vontade, em ‘amigo profissional’.

Existem algumas diferenças entre um amigo que é amigo e um amigo profissional.

Amigos que são amigos trocam sentimentos. Amigos profissionais trocam cartões de visita.

Uma amizade dura para sempre.
Uma amizade profissional é uma relação de curto prazo e dura apenas enquanto um estiver sendo útil ao outro.

Amigos de verdade perguntam se podem ajudar.
Amigos profissionais solicitam favores.
Amigos de verdade estão no coração.
Amigos profissionais estão em uma planilha.

É bom ter uma penca de amigos profissionais.
É isso que, hoje, chamamos networking, um círculo de relacionamentos puramente profissional. Mas é bom não confundir uma coisa com a outra.

Amigos profissionais são necessários.
Amigos de verdade, indispensáveis.

Algum dia, e esse dia chega rápido, os únicos amigos com quem poderemos contar serão aqueles poucos que fizemos quando amizade era coisa de amadores.

terça-feira, 8 de junho de 2010

Você e seu pensamento estão em sintonia?

Texto enviado por Crystal, obrigada pela colaboração.

Você já parou para analisar se o que você anda pensando está ajudando a sua vida?

Acho bastante pertinente começar a se fazer essa pergunta. Cada vez mais é necessário ter idéia do poder que existe dentro de cada um...temos que ter noção do nosso potencial, afinal o pensamento pode te ajudar, ou atrapalhar, dependendo de como você domina o assunto.

Depois que você percebe sua força interior fica fácil começar a jornada para decidir várias coisas (no campo emocional, financeiro, espiritual....). Você percebe que pode tudo mesmo... você atrai tanto coisas boas... quanto ruins (e imagino que você não queira coisas ruins para você), então ATENÇÃO...cuidado com o que você anda pensando...não dá para descuidar...você pode estar se prejudicando e nem perceber!!!

Temos tudo dentro de nós é só trabalhar isso diariamente. Como? Ficando atento aos sinais que sua vida te dá (e ela dá, pode ter certeza...)...respirando mais...ouvindo a voz do seu interior...encontrando o seu centro. E, CLARO, sendo FELIZ (CUIDADO, mau humor é doença contagiosa, devia ter vacina!!!!!)

Quando digo ser feliz não é ficar rindo o dia todo (mas se quiser rir o dia todo beleza....o pessoal pode te achar meio louco...mas tá valendo) , ser feliz é ser leve , encarar as coisas com bom humor ( até as limonadas sem açúcar que aparecem no dia a dia...)...tudo bem sei que tem horas que é difícil...mas vamos tentar ...dá para ser cordial com seu vizinho (que tem aquele cachorro que late o dia todo, um doce de cão...), dá para dar um sorriso para aquele colega de trabalho que tooodo dia está de mau humor(água mole pedra dura....um dia ele retribui)....dá para tentar não xingar no trânsito (taí um ato de bravura em SP)...enfim pequenos atos que causam boas energias para você e te fazem mudar a maneira de pensar a vida... e o universo vai te retornar isso COM CERTEZA!!!!

Outra coisa bem prudente é não cuidar da vida dos outros. Não fica criticando as pessoas... você perde tempo e energia com isso...não vale a pena...se liberte de "achismos"...você não tem que achar nada que não diga respeito a você (ô mania de se meter na vida alheia...), o que você tem haver se a fulana tá gorda ou magra , se o Global casou, depois descasou, se a sua vó colocou silicone com 90 anos, ou seu vizinho virou uma “drag queen” , cada um na sua.....fofoca também não tá com nada....pior que criticar é sair repassando a informação....vamos acordar pessoal!!!!!

Emfim...se preocupe com O SEU AGORA , se concentre no seu desejo hoje, para começar a plantar um futuro melhor.

Comece hoje depois me conta se não é tudo de bom!

Crystal.luz@bol.com.br
Site Meter